08/07/2021 às 17h14min - Atualizada em 09/07/2021 às 00h00min

Restos mortais de marinheiro morto em Pearl Harbor são identificados após quase 80 anos

Ralph C. Battlez, de 25 anos, morreu durante ataque japonês aos EUA na II Guerra Mundial, em 7 de dezembro de 1941, mas apenas agora teste de DNA e análises antropológicas possibilitaram identificação. Ele será enterrado em sua cidade natal, no Alabama.

Portal G1
https://g1.globo.com/mundo/noticia/2021/07/08/restos-mortais-de-marinheiro-morto-em-pearl-harbor-sao-identificados-apos-quase-80-anos.ghtml


Ralph C. Battlez, de 25 anos, morreu durante ataque japonês aos EUA na II Guerra Mundial, em 7 de dezembro de 1941, mas apenas agora teste de DNA e análises antropológicas possibilitaram identificação. Ele será enterrado em sua cidade natal, no Alabama. Foto do Centro Histórico Naval dos EUA mostra o USS Arizona, um dos navios bombardeados no ataque japonês a Pearl Harbor, no dia 7 de dezembro de 1941
HO/US Navy Historical Center/AFP
Um marinheiro do Alabama que morreu durante o ataque japonês a Pearl Harbor durante a II Guerra Mundial, há quase 80 anos, foi identificado e será enterrado em sua cidade natal, anunciou o Pentágono na quarta-feira (7).

Um teste de DNA e análises antropológicas foram usadas para identificar os restos mortais do bombeiro de segunda classe da Marinha Ralph C. Battlez, de Boaz, segundo um comunicado da Agência de Defesa.
Battles, de 25 anos, fazia parte da tripulação do USS Oklahoma quando o navio foi atingido por diversos torpedos durante o ataque japonês, em 7 de dezembro de 1941. A embarcação virou, matando Battles e outros 428 tripulantes.
Os restos mortais das vítimas foram recuperados em 1944 e enterrados em cemitérios no Havaí, mas apenas 35 homens foram inicialmente identificados. Os restos das demais vítimas foram exumados em 2015 para análise, e o material pertencente a Battles foi finalmente reconhecido em fevereiro, segundo a agência.
Um funeral será realizado em sua homenagem em 28 de agosto em Boaz, localizada ao nordeste de Birmingham.
Vídeos: Os mais assistidos do G1 nos últimos 7 dias

Fonte: https://g1.globo.com/mundo/noticia/2021/07/08/restos-mortais-de-marinheiro-morto-em-pearl-harbor-sao-identificados-apos-quase-80-anos.ghtml

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://sandboxwj.cmswebsg.com.br/.